Minha lista de blogs

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Pleno em viver

Encontrar com amigas para um happy-hour é bom demais. Foi o que fizemos dias atrás...sentamos num bistrô, de frente para o mar e com aquele visual lindo de final da tarde. Com tanta beleza o papo ficou até mais fluído. Bem, não sei se quando cinco mulheres de juntam fica possível o papo não fluir ( risos)!


Os assuntos vão passeando por tantos lugares que eles próprios ficam cansados com tamanha adrenalina. E, nós faceiras, rindo e opinando com verdades quase incontestáveis. E, quando chega a divergência sobre algum ponto...dobra-se o imaginário na argumentação com aquela tentativa frustada de consenso, claro! E, isso deixa o grupo mais vivo! Coisa boa!


Foi então que trouxe à mesa um assunto que rodeia a todas: acomodação que chega com a idade.
Isso rendeu boas horas de exposição de ideias. Umas falavam de si, outras dos maridos, claro! 

Lembrei de um papo que tive com um psicanalista e que trouxe para mim uma luz sobre essa questão. Ele me fez refletir sobre a diferença entre ser acomodado e estar pleno. Porque quando se está pleno vem  aquela sensação de estar satisfeito com o que a vida apresenta e sentir-se feliz na sua rotina. Tão feliz consigo, tão pleno, tão satisfeito que a vida flui mansa e muito alegre. 

                                          " Faça com que eu saiba ficar com o nada e mesmo assim
                                             me sentir como se estivesse plena de tudo."
                                                                                           Clarice Linspector
                   

 Diferente da acomodação. Esta chega para camuflar a insatisfação que  bate no peito e que a preguiça, o desânimo de fazer algum esforço para modificar tal situação pode atrapalhar muitos relacionamentos. Especialmente entre pares quando começam as cobranças de um para o outro sobre essas diferenças. 

E, ele ainda apresentou outro ponto: as pessoas plenas não cobram atenção do outro. Pelo contrário ...ficam tão felizes quando o outro ainda não se sente pleno em sua vida e vai vivendo de forma mais dinâmica, com mais programações ou atividades. Enquanto que o acomodado cobra mais a atenção, reclama que o outro não está a sua disposição, que não lhe faz companhia. 
Será que a desacomodação incomoda o acomodado?

                        " Acomodar, incomodar, desacomodar...mudar, transformar, ressignificar."
                                                                                            Leila Castilho


Então, você está pleno, acomodado ou desacomodado?
Sim, porque a desacomodação parece-me que vem antes do estar pleno! 
Foi o que eu entendi! Mas, o assunto está aberto, em pleno vapor a ser discutido...
Parece que precisamos de mais um happy-hour. Ou, de muitos.
                                                                                      Voilà!
                                                      




13 comentários:

  1. Olá minha querida!
    Penso que Clarice define meu momento!
    Estou tão feliz com minha rotina que a vida esta a
    fluir mas leve,lindo fna de semana,beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijos, amiga! E, que tua vida continue fluindoooooo!

      Excluir
  2. Que imagens inspiradoras...ai que saudades do verão...por cá está um frio de rachar..

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Isa. Fico feliz que as imagens te inspiram....o verão no Brasil é mesmo muito especial. Obrigada pela tua visita. Venha sempre! Beijinhos

      Excluir
  3. Minha querida, combinadado.Farei este é outros bolinhos. Amiga,quando aparece? Vamos em Paris em Maio? É primavera e tu bem sabes como a cidade luz fica linda.beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patrícia. Quando for....te aviso! Sabs que vontade não falta, não é? rsrsrr bjs

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Que delícia de conversa... Mas ainda não sei onde estou, talvez quase plena, ai, quem me dera...Rsss.... Mas vou descobrir.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Vânia! As respostas chegam devagarinho...tenha certeza! Beijos carinhosos

      Excluir
  6. Marildinhaa, minha linda!!

    Voltei...e pra ficar...hehehe...brincadeirinha a parte, estive mal.

    Mal que já passou....ufaaa....

    Nossa, eu simplesmente adoro happy-hour com minhas amigas queridas.

    De vez em quando marcamos e ...é tudo muito bom...sorrisos leves, troca de presentinhos com afetos, opiniões...que acaba sempre com boas gargalhadas.

    Sempre falo que nós precisamos desses momentos de enlaçamento de espiritos regados com comes e bebes saborosos!!

    Vocês são muito bonitas.

    Que fotos legais!!!

    Tive a sensação de plena harmonia!!

    Eu já fui muito desacomodada...tive que aprender a lidar com esse meu lado inquieto...agora com a maturidade, sinto-me mais plena de confiança, paciência, perdão....

    Marildinha, desejo a você um final de semana pleno de paz e amor!!

    Ahhh,vou dar um passeio no seu blog para não perder suas novidades.

    beijinhos

    Lígia e =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Ligia. Que bom que voltasses e pra ficar. Amei tuas colocações...especialmente " precisamos desses momentos de enlaçamento de espíritos regados com comes e bebes saborosos" . Obrigada, querida!

      Excluir